Cheque Minha Casa transforma vidas e garante dignidade para famílias maranhenses

Suellen Pereira e filhas receberam o benefício (Foto: Jasf Andrade)

A dona de casa Évila de Moraes, mãe da Érica de apenas um mês de idade, foi uma das 1.000 famílias convocadas nesta etapa do Cheque Minha Casa. O programa vai disponibilizar o valor de R$ 5 mil para as famílias de baixa realizarem obras ou reforma em suas residências.

A iniciativa é realizada pelo Governo do Estado por meio da Secretaria das Cidades e Desenvolvimento Urbano (Secid) e já investiu cerca de R$ 50 milhões na economia maranhense e nesta etapa que iniciou neste sábado (29), o atendimento se estenderá durante toda da semana, no horário das 8h às 14h.

O secretário das Cidades e Desenvolvimento Urbano, Raimundo Reis, presente no evento, destaca que o Cheque Minha Casa, além de contribuir para a melhoria das instalações sanitárias, o programa tem um papel importante para dinamizar a economia nos bairros de São Luís, injetar recursos no setor da construção civil e criar empregos, na medida que as famílias precisam de mão de obra para apoiá-las na execução das obras.

“Neste sentido, o programa foi incluído no Plano Celso Furtado de desenvolvimento pós pandemia e já começa ser implementado. Até o final o mês de dezembro serão convocadas 1.000 famílias residentes nos municípios de São Luis, São José de Ribamar , Raposa e Paço do Lumiar”, exclamou.

“Eu estou muito feliz, pois o Cheque Minha Casa veio em um momento oportuno, pois vai garantir a construção do meu banheiro e melhorar as condições de vida da minha família. E nesse momento de pandemia o governo vai injetar recursos no mercado, criar empregos e gerar renda para muitas pessoas”, falou Évila Moraes.

Já a dona Bernarda Santos, moradora do bairro de Fátima tem uma filha com paralisia cerebral. “O Cheque Minha Casa vai ajudar muito na questão da mobilidade e o conforto da minha filha. Vou forrar o quarto dela, fazer uma rampa e adaptar o banheiro. O benefício chegou em boa hora e agradeço ao governador Flávio Dino por garantir direitos para quem mais precisa”, disse.

Já a dona Suellen Pereira, do município de Raposa, trouxe a família inteira para o evento. Não tenho com quem deixar meus filhos por isso trouxe toda a família. Com essa parcela do Cheque vou reformar toda minha casa, trocar piso e fazer um banheiro. Quero aqui agradecer de coração, o governo que sensível a esta situação de crise sanitária, está nos possibilitando viver com mais dignidade”, evidencia ela emocionada.

O Programa

A nova fase do Cheque Minha Casa iniciou neste sábado (29), com a entrega do benefício a mil famílias cadastradas que tiveram sua documentação aprovada. Foram adotados todos os cuidados de distanciamento social necessários a atual situação de crise sanitária. 

Esta etapa do programa faz parte do Plano Emergencial de Empregos Celso Furtado, lançado pelo governador Flávio Dino, que injetará recursos no valor de R$ 558 milhões para aquecer a economia, gerando emprego e renda aos maranhenses entre os meses de agosto e dezembro de 2020.

O programa, destinado às famílias de baixa renda, visa a redução do déficit habitacional qualitativo, dinamização da economia, geração de trabalho e renda às famílias carentes. Com foco nas instalações sanitárias, a iniciativa tem prioridades para idosos e pessoas com necessidades especiais.

Participaram do evento de entrega, o secretário adjunto de Habitação da Secid, José Antonio Viana, e uma equipe composta de  50 técnicos.

Contato

Endereço: Av. Getúlio Vargas, 1908
Monte Castelo,São Luís - MA, CEP: 65030-005
Fone:(98) 3133-1400